terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Poetizar


Escutei de alguém um dia 
Como é boba essa minha mania 
De querer olhar o mundo
com olhos de poesia

Não consegui responder
Palavras nessa hora me fugia
Porque tem gente que enxerga a vida
Sem amor, sem cor, sem harmonia

Mas posso olhar de outro jeito
Encontrar em tudo alegria
Na natureza que encanta
Na música que enebria
Até no gesto simples
Da criança que sorria

E mesmo quando 
Algumas vezes me via
Feito folha em correnteza
Com a alma em agonia
Ainda assim, escrevia
E o que em mim calava
O papel me traduzia

O que agora quero em demasia
É que de mim não se apague
A capacidade de sonhar
E enxergar o mundo
Com meus olhos de poesia

Liz Midlej

Nenhum comentário:

Postar um comentário