quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Return


"Estou de volta pro meu aconchego
Trazendo na mala bastante saudade
Querendo um sorriso sincero, um abraço
Para aliviar meu cansaço
E toda essa minha vontade..." (Nando Cordel)

Depois de um tempo afastada, sinto que é hora do Retorno. Passou o natal, passou o réveillon, passou o ano de 2014, passaram-se as férias, passou o carnaval. Passou. A página virou. O ano efetivamente começou. As águas de março estão quase fechando o verão e a promessa de vida continua no meu coração. Afinal, a esperança equilibrista, sabe que o show de todo artista tem que continuar.

Mas mal o ano calendário começou e sentimos algo bem diferente. Esse ano de 2015 está diferente dos tantos que já vivi. Algo na humanidade está diferente, uns gritando desesperadamente por paz e melhores condições de sobrevivência e outros se regozijando em desfrutar de benefícios, de poder, de holofotes, de fartura, sem se importar com os pedidos de socorro de quem mora ao lado. A humanidade está doente e não é de hoje. Viver está cada dia mais delicado. E o Planeta Terra está sentindo o reflexo dessa doença, tal mãe que sente os reflexos do sofrimento do filho. Está em xeque a ética, a humildade, a piedade, a solidariedade, a humanização, a agressão à natureza, o respeito ao próximo, a tolerância, a dignidade.

Depende de cada um de nós fazermos a nossa parte para termos um mundo menos adoecido. Semeando a gentileza, a paciência, a benevolência e tantos outros valores já tão esquecidos. Enfim. Espero que seja um ano em que o ser humano tome consciência do seu verdadeiro papel no Planeta: o de coexistir e não apenas existir, tirando o máximo, deixando o mínimo. Entender que somos todos visitantes desse tempo, desse lugar. Estamos de passagem. Ou daqui a pouco o "existir" estará comprometido. E sigamos colorindo a vida com mais poesia e reflexão!

"Depende de nós
Se esse mundo ainda tem jeito
Apesar do que o homem tem feito
Se a vida sobreviverá" (Ivan Lins)

|Liz Midlej|

Nenhum comentário:

Postar um comentário