quinta-feira, 17 de abril de 2014

O amor


... Ainda acredito no amor. No acaso. No encontro de almas gêmeas, de almas afins. Quando esse encontro acontece, deixa realmente a sensação de estar "em outro planeta", como se mais nada no mundo importasse. Viva quem se entrega a esse momento e faz dele, eterno. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário