terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Casa Vazia


Casa vazia que já teve outrora
seus dias de grande alegria
hoje está triste na solidão

Vejo-a de longe casa vazia
sinto uma grande tristeza e nostalgia
velha casa que ostentava venturas
quem diria que assim terminarias..

Vamos casa vazia,volta a encher
de gritos, risos, choros, vozerio
Volta de novo a enfeitar esta rua
E ser o farol que guia os barcos na beira do rio

|Adaptado do texto de Mário Hermes|

Nenhum comentário:

Postar um comentário