segunda-feira, 8 de abril de 2013

Aniversário de mãe, alegria de filhos


Quem te viu estradar por tantos caminhos, 
jamais poderias supor, que irias tão distante!
Sonhos chamam os pés e transformam passadas em voos de pureza d"alma.
O caminhar é leve. Sonolentas recordações de antigos estradar.
Quem te viu, pássaro no ninho, saberia do teu voar?

Canrobert Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário