terça-feira, 31 de maio de 2011


Dificilmente sabemos o que a vida nos reserva. Há sempre uma ou mais dúvidas a respeito do que o destino nos reserva. Ao longo da vida vão se criando limites, normas, regras, condicionantes que interferem e estabelecem marcos demarcatório ao Espírito, tudo por conta de sua própria ignorância, que o faz pensar que a luz que o guia é simplesmente externa. 

Nada está de fato definido, ou é definitivo, muito menos o momento seguinte ao agora. Sem que ao menos conheça suas origens, sem que entenda o que lhe corresponde fazer, nunca saberá, com a certeza necessária, seu futuro. 

Ele certamente é e sempre será o autor do que lhe acontece. Nada está escrito que possa ser absoluto, a não ser a sua própria certeza de que a vida lhe pertence. Não há um maktub. Nada está escrito. O futuro é novo e poderá acontecer qualquer coisa, sem que nada esteja absolutamente decidido. 

[Adenáuer Novaes]

Nenhum comentário:

Postar um comentário