quarta-feira, 27 de abril de 2011

“ Leite, leitura
letras, literatura,
tudo o que passa,
tudo o que dura
tudo o que duramente passa
tudo o que passageiramente dura
tudo, tudo, tudo
não passa de caricatura
de você, minha amargura
de ver que viver não tem cura ”
(Leminski)

Nenhum comentário:

Postar um comentário